Central do Torcedor


Participe do nosso Fórum CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS!!

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Jorge Fossati não é mais técnico do Internacional


Porto Alegre, RS, 28 (AFI) – A derrota por 3 a 2, de virada para o Vasco, foi a gota d’água para a diretoria do Internacional, e o uruguaio Jorge Fossati não é mais o comandante da equipe. A demissão do treinador ocorreu no início da noite desta sexta-feira.

Horas antes, já havia surgido a informação de que Fernando Carvalho, vice de futebol do Inter que está no Rio de Janeiro, planejava uma troca no comando e assim que chegasse ao Beira-Rio selaria o destino de Fossati. O uruguaio assumiu o comando do time gaúcho no início do ano, levando a equipe à semifinal da Libertadores, mas não resistiu à má campanha do time no início do Brasileirão.

Carvalho inclusive declarou na noite desta quinta-feira, após a derrota do Colorado diante do Vasco, que a virada sofrida (o time vencia por 2 a 0, mas perdeu o duelo) era inadmissível e que a equipe se mostrava perdida em campo, sem padrão de jogo.

Com a queda do treinador, os gaúchos já começam a especular nomes para assumir a equipe. Um deles é o de Cuca, atualmente desempregado após cair no Fluminense. Mário Sérgio, que treinou o clube em 2009, classificando a equipe à Libertadores deste ano, também é um dos nomes cotados.

Sua rejeição com a torcida colorada, porém, pode ser um empecilho para sua contratação. O retorno de Abel Braga, campeão da Libertadores e do Mundial de Clubes da FIFA em 2006 pelo clube, também é cogitado. Por fim, Nelsinho Baptista, que caiu para a Série B do Brasileiro com o Corinthians em 2007, é outro nome especulado.

Fossati é o quarto técnico a cair no Brasileirão 2010. Antes dele, Antônio Carlos foi demitido pelo Palmeiras; Gaúcho deu lugar a Celso Roth no Vasco, e Leandro Niehues já sabe que será “relegado” ao cargo de auxiliar no Atlético-PR, que procura outro comandante.

0 comentários:

Postar um comentário

¢